Festival Fora da Casinha em São Paulo

Casa do Mancha comemora 8 anos com o festival Fora da Casinha

A história começa em 2007 com um pequeno estúdio na sala da casa onde de fato morava o músico e produtor Mancha Leonel. Ao longo de discos gravados, trilhas sonoras e vídeos produzidos com amigos, a casa se tornou ponto de encontro de pessoas que buscavam um lugar pra discutir e produzir música. Esse cenário convidativo aos poucos começou a atrair também um pequeno público e suprir uma demanda de lugares para se conhecer novos artistas na cidade de São Paulo.

O espaço já abrigou apresentações de artistas como Mombojó, Tiê, Hurtmold, Wander Wildner, Curumim dentre outros nomes importantes da cena independente brasileira, além de convidados internacionais como Peter Hook [New Order/ Joy Division], Kyp Malone [TV On The Radio], Mac DeMarco e Sebadoh. A casa se firmou como uma produtora de conteúdo musical, trabalhando em várias plataformas tendo sempre a música autoral como eixo narrativo de seus trabalhos.

Agora essa casinha comemora seus 8 anos de existência encarando o desafio de produzir seu próprio festival. No dia 04 de outubro de 2015, no Centro Cultural Rio Verde, acontecerá a primeira edição do FORA DA CASINHA. O festival traz um recorte muito fiel dessa história com 10 bandas que construiram uma relação íntima com o espaço ao longo dos anos: Boogarins, Supercordas, Maurício Pereira, O Terno, Holger, Gui Amabis, Stela Campos, Carne Doce, The Soundscapes e Twinpine(s). A discotecagem fica a cargo do pessoal do Trabalho Sujo, parceiros de longa data.

++Carne Doce no Estúdio Showlivre

++O Terno no Estúdio Showlivre

Fora da Casinha
com Mauricio Pereira, O Terno, Twinpine(s), Stela Campos, Gui Amabis, Carne Doce, The Soundscapes, Holger, Supercordas e Boogarins. Discotecagem: Sussa (Trabalho Sujo)
4 de outubro – domingo – a partir das 16 horas
R$ 40 (primeiro lote)
r. Belmiro Braga, 181 – Vila Madalena

Alaídenegão lança seu primeiro álbum pelo Projeto Plataforma

Banda amazonense traz os ritmos da cúmbia, coco e maracatu para São Paulo

Alaídenegão

A banda amazonense Alaídenegão traz a guitarrada, cúmbia, manguebeat, carimbó e o reggae do seu primeiro álbum, Senoide Sensual, para o Projeto Plataforma. As 14 músicas trazem influências específicas das músicas indígena e caribenha.

Além de trabalhar o sincretismo musical, Senoide Sensual é, antes de tudo, o resultado de uma pesquisa sobre música brasileira que a banda empreende desde 2008, ano de sua formação. Com letras que retratam o olhar do caboclo e sua relação com os rios e a vida noturna do Amazonas, Alaídenegão desenha os costumes do Norte e Nordeste.

Composto por Davi Escobar (guitarra e voz), Agenor Vasconcelos (contrabaixo e voz), Rafael Angelo (Guitarra), Markito Rock (Trompete) e Anastácio Jr. (Bateria), o grupo já participou de festivais como “Noite Fora do Eixo” (RR), Festival Até o Tucupi (AM) e 2˚ Festival de Música do Amazonas (AM).

Sesc Pompeia recebe lançamento do álbum “Senoide Sensual”, de Alaídenegão – Projeto Plataforma
9 de outubro de 2015, sexta, às 21h30
Ingressos: R$ 6,00 (credencial plena/trabalhador no comércio e serviços matriculado no Sesc e dependentes), R$ 10,00 (pessoas com +60 anos, estudantes e professores da rede pública de ensino) e R$20,00 (inteira).
SESC Pompeia – Rua Clélia, 93.
sescsp.org.br/pompeia

++ Alaídenegão no Estúdio Showlivre

Sheila Simmenes indica artistas noruegueses

Após promessa feita no Estúdio Showlivre, cantora preparou uma seleção de artistas de sua terra natal

A excelente cantora norueguesa Sheila Simmenes e o instrumentista brasileiro Peter Mesquita estiveram no Estúdio Showlivre, dia 24 de setembro, para divulgar o álbum Wake Up For Love (2015). O disco marca a estreia dessa parceria e exibe uma sonoridade recheada de elementos de jazz, pop e rap.

Como sempre, o Estúdio Showlivre estava aberto para perguntas da audiência. Sheila foi indagada sobre dicas musicais de sua terra natal, mas a barreira da língua se mostrou desafiadora. Ao perceber que o público brasileiro teria dificuldade em entender a pronúncia do idioma norueguês, a cantora prometeu enviar sua lista de indicações por escrito para nossa redação.

Dito e feito! Ao que tudo indica, nos países nórdicos, promessa é dívida. Aqui estão nomes da música norueguesa que valem a pena ser ouvidos, segundo Sheila Simmenes. Quem já conferiu a apresentação da artista sabe que ela fala de música com propriedade. Aprecie!

– Jarle Bernhoft

– Rebekka B Maeland
– Emilie Nicholas
– Hanne Kolstø
– Susie & The Spuds

– Erik de Torres
– Kaizers Orchestra
– Kings of Convenience
– Katrin Frøder
– Kjært Barn
– Jon Olav Nilsen & Gjengen
– KAKKMADDAFAKKA

– Casiokids
– Broen
– Ivan Ave

Soundtrackers comemora 7 anos e nova formação

Banda voltada aos temas de cinema apresenta suas novidades em show na capital paulistana

As paixões por cinema e música fizeram com que nascesse em 2008 um espetáculo com o melhor da música pop do cinema hollywoodiano dos anos 50 até os dias atuais. Depois de uma parada estratégica de 6 meses, os Soundtrackers estão de volta com novos integrantes e surpresas no repertório. No repertório, trilhas que vão dos anos 50 até os dias atuais, de Elvis a Guns N’ Roses, passando por Beatles, ABBA, Bee Gees, Simple Minds e Prince, pra citar só alguns.

“Como é comum no meio da música, depois de longos períodos na estrada todos queriam um tempo para descansar e cuidar dos projetos pessoais”, explica Rodrigo Rodrigues, idealizador da banda. “Mas já recrutamos novos integrantes e demos uma atualizada geral, vai ser muito bacana começar a nova fase no Bourbon, onde a galera se sente em casa”, finaliza o guitarrista.

A caracterização de personagens marcantes do cinema continua: Rodrigo Rodrigues, fã de “De Volta para o Futuro”, encarna Marty McFly versão 2015; a vocalista Claudia Gomes veste o tradicional figurino da Sandy, do Grease; Fábio Nogueira, também no vocal, é o clássico Blues Brother; Pedro Rangel, na bateria, curte a vida adoidado no melhor estilo Ferris Bueller e, nos teclados, Michel Membrive é o Tom Cruise em Top Gun. As novidades ficam por conta de Amauri Souza, o Tony Manero da Guitarra e Raffa Machado, que sobe ao palco trajado de Paul McCartney, direto de A Hard Day’s Night.

Bourbon Street
02/10/2015 – sexta-feira – Abertura da casa: 21h – Show: 0h00
Rua Dos Chanés, 127 – Moema – SP
Fone para reserva: (11) 5095-6100 (Seg. a sexta) das 10h às 18h
Couvert Artistico: R$ 65,00
Venda também pela Ingresso rápido – 11 4003 1212 – www.ingressorapido.com.br
Homepage: http://www.bourbonstreet.com.br/

++Soundtrackers em apresentação no Estúdio Showlivre (2012)

Molina y Los Cósmicos no Estúdio Showlivre

Melodias e a simpatia da banda uruguaia Molina y Los Cósmicos em sua apresentação no Estúdio Showlivre

Com músicas do seu novo álbum, além de hits do seu álbum de estreia, a banda uruguais de indie-folk Molina y Los Cósmicos se apresentou no Estúdio Showlivre, dia 29 de setembro.

Ao Vivo:
Con mucho Indie, Folk e “portuñol”, a banda uruguaia Molina Y Los Cósmicos se apresentou no Estúdio Showlivre. A banda intercala o vocal masculino de Molina, que também toca violão, e Emma, a tecladista. Além deles, a banda é formada por Ripi Arruti no baixo, Martin na guitarra e Nacho na bateria.

Setlist:
___________ APRESENTAÇÃO
1. MI VIETNAM
2. YTC EN EL FIN DEL MUNDO
3. NADA DE USTED
___________ ENTREVISTA
4. LA ETERNA MALDICION DE LAS FLORES DEL CAMPO
5. PEQUEÑAS COSAS (QUE JAMÁS TE CONTARÉ)
6. EN EL CAMINO DEL SOL
___________ CHAMADA SHOWLIVRE
7. SANTIAGO
8. LANDING PARK
9. EL RUIDO DEL MAR
_____________PERGUNTAS DOS FÃS
10. GALLOS DE KENTUCKY

Perfil:
Natural de Castillos, no Departamento de Rocha, Uruguai, fronteira com o Rio Grande do Sul, Brasil, Molina y Los Cósmicos desponta como uma das revelações do novo folk latino. Seu disco de estréia – El Desencanto – traz um indie folk de qualidade com sonoridade global-fronteiriça.

Molina y sua banda começa em julho de 2013 com a gravação de seu primeiro álbum e, rapidamente eles começam a ser transmitido em diferentes estações de rádio no mundo, incluindo KEXP Seattle (onde eles estavam, em Junho de 2015, a gravação de um “Full” Performace) como parte de sua turnê de apresentação do álbum.

Nos últimos anos se apresentaram em diferentes palcos nos Estados Unidos, Brasil e Argentina, compartilhando palco com artistas importantes, tais como Bomba Estereo, Nacho Vegas, Camila Moreno, El Mató a un Policia motorizado e seus amigos no Brasil, a banda Tagore.

Atualmente, o artista está gravando seu segundo álbum El Folk de la Frontera, que terá a mixagem por conta de Craig Schumacher (produtor de Calexico e Iron & Wine) e com importantes convidados como Alex Ruiz (Chingon).

Sala Espacial lança álbum de estreia

Disco da banda/coletivo homenageia a Casa Moxei

Depois do incêndio em fevereiro de 2014 causado por um curto-circuito, que assolou a ‘Casa Moxei’ – propriedade na capital paulista que servia como moradia, estúdio e casa de shows – e destruiu entre outras coisas, instrumentos, computadores, mobílias e gravações em andamento, surgiu a banda Sala Especial.

Formado por músicos moradores da ‘Casa Moxei’ com intenção de transformar a tragédia em um momento de reconstrução, o Sala Espacial é um grupo que se define “livre de limitações de gênero, idade, classe social, raça ou religião e que se destaca pela riqueza cultural e pela habilidade em misturar diferentes ritmos e influências musicais”. Os shows da banda contam com intervenções artísticas, pirofagia, teatro e performances de danças. “Um verdadeiro ritual que vai dos ancestrais aos alienígenas, do mundano ao inefável. Terra, fogo, água, ar, éter, corpo, mente e espírito reunidos através da harmonia e da força do amor e da arte”, explicam os integrantes do Sala Espacial.

Após três anos trabalhando de maneira coletiva, a banda lançou o álbum duplo de estréia intitulado Casa Moxei, em homenagem ao lugar onde o grupo se formou, morou, construiu um estúdio no quintal e compôs, produziu, gravou e mixou suas músicas. O toque final foi dado fora da casa, no Estúdio Costella, por Alexandre Capilé e Chuck Hipolitho, responsáveis pela masterização.

O disco lançado pela gravadora paulista Hearts Bleed Blue (HBB), já em pré-venda, tem 18 faixas, algumas com mais de 10 minutos ou 120 canais, que captaram além de instrumentos, canto de pássaros, latido de cachorros, chocalho de cascavel e sons variados.

Sala Espacial é formada por Teco Martins, Toni Rastan, Rodrigo Caggegi, Alexandre Iafelice, Pedro Iafelice, J.Valença, Amanda G. Nogueira e Leo Ahau.

Escute “Casa Moxei” na íntegra: www.heartsbleedblue.bandcamp.com

++Sala Espacial no Estúdio Showlivre

One Drop Festival está de volta a São Paulo

O grave promete bater no peito nesta noite inédita pilotada por Lee “Scratch” Perry e Mad Professor

Após a primeira edição em 2013, com quatro atrações internacionais, o festival One Drop volta trazendo para o Brasil o encontro fumegante da lenda viva do dub Lee “Scratch” Perry com Mad Professor, numa apresentação mítica – e única no dia 04 de Outubro, em São Paulo.

*** Participe da promoção do showlivre.com e concorra a ingressos para este show!

Lee “Scratch” Perry é produtor, cantor, compositor e engenheiro de som. Esta figura ímpar da música jamaicana é um dos últimos músicos de sua geração em plena atividade. O quase octogenário artista sempre se manteve na vanguarda musical, abrindo caminhos para que o roots encontrasse os novos universos musicais dos samples. Lee Perry é considerado o pai do reggae dub e possui – além de uma vasta discografia – seu nome estampado no encarte de pérolas sonoras jamaicanas, de artistas como Max Romeo, The Heptones, Gregory Isaacs e muitos outros.

Mad Professor é um ícone da segunda geração do dub reggae e figura no posto de um dos maiores produtores do dub inglês desde o início dos anos 80. Nascido na Guiana, ele se mudou para Londres ainda criança e lá se apaixonou pelos beats eletrônicos, tão presentes na cultura local. Seus experimentos sonoros cunharam a transição do dub reggae para a era digital, quando as produções eletrônicas passaram a dominar o reggae que pulsava no mainstream nos anos 80.

O mestre Lee Perry e seu discípulo Mad Professor firmaram uma parceria no ano de 2000, com o lançamento do disco Lee Perry Meets Mad Professor, que já se tornou um clássico mundial. Esse encontro vem – finalmente – ao Brasil pela primeira vez, para incendiar o One Drop Festival, produzido pela Zeroneutro.

O festival também traz a nata dos amantes da cultura de Sound System do Brasil.

High Public Sound é uma crew paulistana de colecionadores de vinil – o formato escolhido para suas discotecagens, onde prevalecem as produções recheadas de frequências graves, de vertentes como roots, uk stepper, french dub e dubstep. E as mensagens sempre conscientes de Jr. Toaster no mic.

Jurassic Sound System é o único sistema de som especializado em ska, rocksteady e early reggae no país.

DigitalDubs, diretamente do Rio de Janeiro, é sinônimo de festa boa há mais de 10 anos. O coletivo sonoro fundado pelo seletor Marcus Menezes é o principal representante da cultura sound system no Brasil, com reconhecimento internacional.

Marcelinho da Lua é DJ e produtor. Tido como um astro do drum’n’bass com sotaque brasileiro, Da Lua ficou conhecido internacionalmente. Ele adora misturar sonoridades, que vão do rock ao baião, mas sempre com muito groove. Já colaborou com artistas como Marcelo D2 e os Paralamas do Sucesso.

One Drop Festival 2015
04 de Outubro – A partir das 16h
Estúdio
Rua Pedroso de Moraes, 1036 – Pinheiros.
Ingressos:
Lote promocional ( Venda online exclusiva) 
R$60 meia entrada / R$120 inteira
1 Lote – R$80 meia entrada / R$160 inteira
2 Lote – R$100 meia entrada / R$200 inteira
www.ingresse.com

Johnny B. Good
R. Vinte e Quatro de Maio, 116 – Loja 14
Centro

Rashid apresenta nova música em show no Sesc Pinheiros

Rapper antecipa a faixa “A Cena”, que estará no seu primeiro disco oficial

Após quatro mixtapes, Rashid se prepara para lançar o primeiro disco oficial da carreira no começo de 2016. Os fãs, contudo, poderão ouvir uma faixa do trabalho em primeira mão no dia 2 de outubro, quando o artista se apresenta no Teatro Paulo Autran – Sesc Pinheiros.

Intitulada “A Cena”, a música relata a história de um enquadro. Na apresentação, Rashid recebe a cantora Izzy Gordon e o músico Rodrigo Mantovani (baixo acústico) para apresentarem a novidade do repertório ao seu lado. A música traz influências diferentes. “Fizemos um rap sobre a polícia num jazz que se torna um spiritual no fim. Trouxemos outras vertentes da música negra para dentro da narrativa. Acredito que os três ritmos tenham bastante ligação com a rua e com o povo”, conta o artista sobre as variações de estilo.

Acompanhado por sua banda – formada por Jhow Produz (bateria), Herbert Medeiros (teclado), Renato Taimes (guitarra), Weslei Rodrigo (baixo), Godo (backing vocal) e DJ Mr. Brown -, o rapper mostra também a música “Gratidão”, que ganhou um videoclipe no fim do ano passado e já contabiliza mais de 600.000 views no YouTube. Gravada com a participação de Tássia Reis, “Patrão” também faz parte do roteiro da apresentação.

Rashid @ Sesc Pinheiros
2 de outubro, 21h
Rua Paes Leme, 195, Pinheiros
Telefone: 11 3095.9400
Ingressos: R$ 40,00 (inteira), R$ 20,00 (meia: estudante, servidor de escola pública, + 60 anos, aposentados e pessoas com deficiência), R$ 12,00 (credencial plena: trabalhador do comércio de bens, serviços e turismo matriculado no Sesc e dependentes). Ingressos à venda pelo Portal www.sescsp.org.br a partir de 22/9 (terça-feira), às 16h30, e nas bilheterias do SescSP a partir de 23/9 (quarta-feira), às 17h30. Venda limitada a quatro ingressos por pessoa.

++Rashid no Estúdio Showlivre

+Música by Maah Music: Roberta Campos,

Maah Music selecionou grandes destaques em sua coluna com indicações de clipes

Roberta Campos, Fábio Cardelli, The Moondogs, Far From Alaska e Wild Five

Roberta Campos / Twitter: @robertacampos
Minha dica é a cantora Roberta Campos, que logo estará com trabalho novo sendo lançando. Na próxima semana, no dia 02 de outubro, os fãs de Roberta Campos já poderão ouvir seu novo álbum nas plataformas digitais, “Todo Caminho É Sorte” (Deck). Aumentando a expectativa, a cantora e compositora mineira disponibiliza o vídeo de estúdio da única versão do CD, “Casinha Branca”, de Gilson e Joran. O clipe foi filmado no estúdio 12 Dólares em São Paulo, durante as gravações do disco, e dirigido por Otávio Sousa.
Com produção de Rafael Ramos, o álbum traz, além dessa versão, mais 11 faixas de autoria de Roberta Campos. Vamos parar com esse blá,blá,blá e ouvir a música?! Dá o play!

Fábio Cardelli / Twitter: @fabiocardelli
“Cat Eyes” é o primeiro single de “A Palavra dos Olhos”, primeiro álbum solo de Fábio Cardelli, que por sinal é um dos álbum que estou ouvindo muito ultimamente.
Eu gosto muito do álbum pelas canções, as letras faz a gente dançar e cantar junto. E confesso que do álbum todo “Cat Eyes” é a minha preferida, mas eu canto para o meu dog rs. Vamos parar de blá, blá,blá e curtir o clipe.

The Moondogs / Twitter: @tmoondogs
Quem não é viciado no som da banda The Moondogs? Eu sou muito, mas ainda não fui ao show dos meninos. Como ainda não fui ao show deles, eu fico aqui em casa mesmo vendo clipe e curtindo o som deles.
E a novidades dessa semana da banda paulista composta por quantro integrantes, sendo eles Johnny Franco, Gabriel Gariani, Gabriel Borsatto e Renan Ribeiro. Lançam nesse mês de setembro 4 webclipes exclusivos pela Vevo e em outubro um novo EP que promete surpreender o público.
Cadê outubro que não chegar logo hein minha gente? Vamos então curtir o som da banda lá no vevo? Dá o play!!

Far From Alaska feat. Banda Scalene / Twitter: @FarFromAlaska e @bandascalene
Afaste todos os moveis da sala para o curtir essa parceria insana, entre duas bandas fodas do cenário musical brasileiro. Banda formada em Natal/RN no ano de 2012, possui influências diversas mas sem deixar a essência do rock prevalecer, tiveram seu primeiro EP lançado pelo DoSol e o single “Thievery” teve grande repercussão e atingiu com facilidade a expectativa do público local. Vieram pra São Paulo para que tivessem melhores oportunidades e embora a carreira do grupo já estivesse engatada, a banda ganhou maior visibilidade com o lançamento da música “Relentless Gam” em parceria com a Scalene e com a participação na edição de 2015 do Lollapalooza.

Banda Wild Five / twitter: @_wildfive
Para finalizar nossa sessão de diconas de hoje, tem a banda Wild Five com o albúm Stay Wild a banda vem conquistando um grande público através do seu mix de estilos que variam do Hard Rock ao Blues. O Wild Five tem como material mais recente seu clipe da faixa “You Had My Love” que a nível de curiosidade foi a primeira composição deles e é perceptível o amadurecimento em cada verso. Ouçam as 13 faixas pelo canal do youtube e fiquem ao som do último lançamento.

E dia 05/10, próxima segunda teremos exclusividade aqui na coluna + Música.
Dá o play e confira agora a teaser “De Longe” da cantora @nathyfaria

 


Falae Maah!

Sou conhecida como Maah Music! Sou viciada em música e, hoje em dia, ela é como respirar pra mim. Não importa qual show é, eu sempre estou lá na frente do palco, pelo meu vício e minha necessidade de ouvir música; música só de qualidade!

+da Maah Music
Blog
Facebook
Twitter
Instagram
Soundcloud

O Rappa volta à Santos na 3 ª edição do Festa Show Caiçara

Banda se apresenta em evento multicultural na Baixada Santista

A banda O Rappa se apresenta na terceira edição do Festa Show Caiçara, que conta com a abertura das bandas Trela e Conexão Baixada, no dia 2 de Outubro (sexta-feira), no A.A. Portuários (R. Joaquim Távora, 424 – Santos).

Já em seu terceiro ano de excursão, “Nunca Tem Fim…” deve se estender até o final de 2015, com gravação de DVD ao vivo prevista. Em julho, o quarteto fez uma mini turnê pela Europa, que passou por Portugal, Espanha, Holanda e Inglaterra. A atual turnê marca também uma inovação no cenário da banda, que utiliza containeres como telas para projeções mapeadas, tecnologia que permite o total controle das imagens e cria uma experiência expandida da apresentação da banda.

A expectativa em cima do evento é grande, pois todos os artistas do line-up já foram vencedores do Prêmio Rock Show, a maior premiação do rock nacional, que é realizada na cidade de Santos, levando o caneco pra casa nas categorias Hit do Ano (O Rappa, em 2014), Disco do Ano (Conexão Baixada, em 2013) e Revelação Independente (Trela, em 2014).

++Trela no Estúdio Showlivre

O Rappa, Trela e Conexão Baixada
02 de Outubro, sexta-feira – Abertura da casa: 22hrs
A.A. Portuários
R. Joaquim Távora, 424 – Santos
evento no Facebook: https://www.facebook.com/events/464336463746720/
Informações: (13) 3327-9352 | (13) 2202-8666

Ingresso:

Pista – 1° Lote: R$40 meia/R$80 inteira
Pista Premium – 2° Lote: R$80 meia/R$160 inteira
Área Vip – 1º Lote: R$70 meia/R$140 inteira
Camarote (mesa para 04 pessoas) – 2° Lote: R$350 meia / R$700 inteira
Venda on-line: www.guicheweb.com.br
Disk Ingresso: (13) 99731-0220